fbpx

Cuidados e atividades com pets durante a pandemia do COVID-19

29 de abril de 2020 •

Se existem pontos positivos em estar dentro de casa em quarentena, um dos maiores deles é, sem dúvida, passar mais tempo com seu pet. Além de serem uma ótima companhia nesse período de isolamento social, o pet te ajuda a manter uma rotina e melhora seu ânimo. 

Seu pet também pode estar sentindo as mudanças na rotina, principalmente se ele for um cão ativo que gosta de brincar com outros cães na rua, por exemplo. Isso pode deixá-lo ansioso e é importante pensar em estratégias para manter seu pet saudável e feliz. 

A falta de atividade é um problema para os pets, então crie rotinas bem definidas e aposte em brinquedos interativos. Tente também estabelecer momentos em que o pet fique sozinho. Fique atento à mudanças de comportamento do pet e aproveite o tempo extra para treinar comandos. 

Se você ainda não tem um bichinho, esse pode ser um ótimo momento para adotar. Além de ganhar uma companhia para te ajudar nesses tempos difíceis, o tempo em casa vai servir para vocês se conhecerem e criarem uma relação forte.

É importante ressaltar que, segundo a Organização Mundial de Saúde, cães e gatos não são contaminados ou transmitem o COVID-19. 

 

Cuidados nos passeios

As recomendações são para evitar sair de casa, mas alguns pets não se adaptam, por exemplo, a fazer as necessidades em casa e precisam continuar com seus passeios diários. Para esses casos, existem cuidados que você pode tomar:

  • Evite sair nas horas que sua rua esteja mais cheia. O início da manhã e final da tarde em geral são períodos nos quais as pessoas costumam sair de casa.
  • Limpe bem as patas e o pêlo do seu pet ao voltar do passeio, antes de entrar em casa.
  • Use máscara e não toque em nada na rua.
  • Não deixe que outras pessoas peguem no seu pet. 

 

Faça brinquedos em casa

Durante a pandemia do COVID-19 a indicação é não sair de casa a não ser por necessidade extrema, o que significa que os passeios ao pet shop para comprar brinquedos devem ser evitados. Isso não quer dizer que seu pet tenha que ficar sem novas opções de se entreter. 

Uma alternativa é fazer brinquedos para seu pet em casa. Você vai economizar dinheiro e ainda pode criar brincadeiras que façam seu pet pensar. Aposte em criar brinquedos interativos ou que proporcionem enriquecimento ambiental. 

Algumas dicas são: 

  • Pegue uma garrafa pet e faça alguns furos nela com uma faca. Coloque petiscos pequenos dentro e deixe seu pet tentar descobrir como comê-los. 
  • Coloque uma garrafa pet dentro de uma meia velha e amarre a ponta.
  • Faça uma trança com uma toalha velha e use como corda para cabo de guerra.

 

Adestramento

Esse é um ótimo momento para adestrar seu pet. Além de ter mais tempo para praticar, é um jeito para fazer seu pet se exercitar física e intelectualmente. Acredite, a conexão entre vocês vai ficar ainda mais forte. E ter um pet obediente e educado é sempre muito bom, não é mesmo?

Se você não sabe por onde começar, a internet pode te ajudar. Existem muitos vídeos no YouTube ensinando como fazê-lo. Comece pelo básico: sentar, deitar, ficar. 

 

Voltando a rotina pós quarentena

Na quarentena, pode ser difícil não passar o dia todo dando atenção e mimando seu pet, mas é preciso tentar manter um nível de independência para o bichinho. Do mesmo jeito que nos acostumamos a passar o tempo inteiro com eles, eles podem sofrer ainda mais com o fim da quarentena. 

Para que eles não sintam tanta nossa falta na volta à rotina pós quarentena, estabeleça desde agora momentos em que o pet fique sozinho fazendo atividades em um cômodo diferente de onde você está. Brinquedos interativos e enriquecimento ambiental são ótimas apostas.

 

Está procurando um imóvel para morar com seu pet? A José Alberto Netimóveis tem as melhores opções pensadas especialmente no seu bichinho!